5 motivos para ter um cachorro vira-lata em apartamento

Pensando em ter um cachorro em apartamento? Confira alguns motivos que irão te convencer a ter um vira-lata como seu novo amigo!

Por Vitório Real
19/10/2016 @ 15:18

Se você considera a possibilidade de ter um cachorro em apartamento, que tal optar por um legítimo cão sem raça definida (SRD), também chamado de “vira-lata”, como seu companheiro? Afinal, não são só os cachorros de raça que são adequados ao seu ambiente.

Confira aqui algumas dicas que irão ajudar você a se convencer pelos nossos amigos de 4 patas!

1. Primeiramente é legal ter um cãozinho

Diversos condomínios não permitem animais em suas convenções. Mas esse tipo de proibição é ilegal. O que o condomínio pode fazer é limitar a presença de animais nas áreas de convívio, mas não proibir a permanência de cachorros em apartamentos ou casas.

Outras convenções buscam criar uma interpretação determinando que poderão ser aceitos cachorros em apartamentos desde que sejam de pequeno porte. Qualquer que seja o caso, é fato que a lei permite, mas o bom senso do morador e dono do animal deverá seguir algumas regras que facilitarão o convívio.

 

2. É fácil se adequar a regras de convívio

Ter um cachorro em apartamento e adequá-lo às regras de convívio não é mais difícil do que outras convenções sociais, como o uso de piscinas ou salão de festas. No geral, você e seu amigo deverão transitar pelo elevador de serviço sempre com guia curta, para evitar que ele se aproxime das pessoas. Passear pelo jardim pode, desde que não estrague ou suje as áreas comuns.

Vale sempre lembrar que será você o responsável por toda sujeira que ele fizer, mas isso você já sabe desde que aceitou a ideia de ter um cachorro em apartamento, não é mesmo?

 

3. Você terá um amigo fiel te esperando todos os dias

Um cão é um grande amigo e isto é um opinião unânime dividida por todos que, em algum momento de sua vida, tiveram um cachorro em apartamento ou mesmo em suas casas. Poder chegar em casa depois de um dia de trabalho e ter um amigo fiel te esperando, com bom humor e felicidade é um verdadeiro refúgio para a alma nos dias corridos.

E essa alegria será sentida por qualquer cachorro que você venha a ter em seu apartamento. Já que é assim, considere adotar um SRD ao invés de comprar um animal.

 

4. Exercite sua consciência social

Não dá pra dizer que adotar um vira-lata não seja um gesto de consciência social. Existem dezenas de pontos de adoção de animais, sempre com um vira-latinha de olhos mansos e rabinho abanando, pronto para lhe encantar e para se adequar facilmente às regras que falamos acima.

Ao passo que a compra de cães de raça, aqueles com pedigree e seguem à última moda de qualquer novo filme em evidência, incentiva um comércio que nem sempre representa práticas de bons tratos com os animais.

 

5. Você terá um incentivo para sair de casa

Não é porque você agora terá um amigo lhe esperando ansiosamente todos os dias que você vai se satisfazer apenas com esta recepção. Ter um cachorro em apartamento é também ter a certeza que ambos deverão sair de casa, caminhar, exercitar-se e ver a vida sob outra ótica, ainda que seja por uns poucos minutos do seu dia.

Aos poucos você vai perceber que, tanto para você quanto para seu amigo peludo, esse momento da caminhada ao redor do quarteirão será o grande elo de amizade entre você e seu vira-lata companheiro.

Adotar um cão sem raça definida é realmente muito bom, tanto para o morador, que terá à sua espera carinhos e manifestações de amizade, quanto do cãozinho, que terá um lar e fará dele um ambiente muito mais amistoso.

Mas lembre-se que toda essa alegria e bem estar vem acompanhada de uma série de responsabilidades. Não listamos aqui por exemplo, que a segurança do seu lar é motivo para ter um cachorro em apartamento. A amizade é a principal razão para se ter um cachorro em apartamento.

Conhece alguma história de pessoas que adotaram vira-latas para morar com elas? Alguém que teve sua vida transformada pela presença de cachorro em apartamento? Conte pra gente nos comentários!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Todos os comentários estão sujeitos a aprovação, para evitar que qualquer conteúdo impróprio, ilegal ou ofensivo seja publicado. O preenchimento do Nome e E-mail são obrigatórios.