6 dicas para investir em um segundo imóvel

31/01/2017 @ 9:43

Adquirir um segundo imóvel é uma sábia decisão para a maioria das pessoas, já que se trata de patrimônio e pode ser usado como fonte de renda. Contudo, é preciso ter certo conhecimento de causa e ser muito paciente para evitar as armadilhas comuns nessas transações e para realizar uma aquisição com segurança e tranquilidade.

Veja a seguir 6 dicas para investir com eficiência em um segundo imóvel!

Envolva a família

Evite tomar decisões sérias sozinho. Procure envolver as pessoas mais próximas, como pais, filhos, cônjuges, irmãos e assim por diante. Quando compartilhamos as ideias, fica mais fácil tomar uma decisão mais acertada e não ter prejuízos.

A orientação e sugestões das pessoas a quem amamos são muito importantes para definir um caminho mais equilibrado. Lembre-se de que, a partir do momento em que a decisão de comprar um segundo imóvel fique assentada, é preciso que todos deem sua parcela de contribuição, gastando menos e economizando mais.

Elimine as dívidas

Comprar um imóvel exige muito dinheiro. Por isso, não é aconselhável manter uma porção de dividas, mesmo que sejam menores. Procure sanar suas dívidas antes de contrair o compromisso com a compra do segundo imóvel, seja à vista, seja financiado.

Se você já tem outro financiamento de bem com valor elevado, como um carro, é bom consultar suas reais condições e ver se vale a pena assumir uma nova dívida ou se é melhor esperar um pouco mais.

Lembre-se, enfim, de que toda dívida tem juros e os juros cobrados no Brasil estão entre os mais altos.

Busque oportunidades

Procurar boas oportunidades é fundamental se você quer realmente fazer um bom negócio. Apesar da crise que afetou o setor imobiliário há pouco tempo, os investidores podem encontrar chances para fazer uma aquisição a custos menores. Existem pessoas e até construtoras que, devido à necessidade imediata de dinheiro, podem oferecer imóveis por preços mais baixos ou condições mais favoráveis de pagamento.

Considere a possibilidade de financiamento

Atualmente, comprar à vista bens de valor muito elevado não é uma prática comum. Na verdade, a compra à vista em geral perde cada vez mais espaço para o financiamento.

Vale a pena conferir a possibilidade de financiar seu segundo imóvel. Veja as opções disponíveis de financiamento. Se conseguir financiamento direto com a imobiliária será melhor ainda, pois evita a burocracia habitual que envolve esse tipo de negociação.

Procure ajuda especializada

Outra boa dica é procurar ajuda de quem entende.  Profissionais especializados poderão orientar sobre detalhes importantes e indicar imóveis bem localizados, de acordo com seu perfil. Todo segmento tem suas particularidades e, quando se conversa com profissionais especializados no ramo, fica mais fácil evitar atritos e erros.

Você pode encontrar boas imobiliárias que oferecem consultoria por meio da internet. O importante é que ela esteja inscrita no CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis). Confira ainda os comentários feitos sobre a empresa e seus profissionais — se houver muitas reclamações e poucos elogios, é melhor evitá-los.

Faça um consórcio

Outra ótima ideia é fazer um consórcio para adquirir o seu segundo imóvel. Consórcios não envolvem juros, mas, dependendo da sua sorte nos sorteios ou da possibilidade de dar lances maiores, você deverá esperar um pouco mais.

Mas, como se trata de um segundo imóvel, talvez você possa investir em longo prazo sem problemas. A demanda por consórcios aumenta no país, comprovando que, de qualquer modo, se trata de um bom negócio.

Se você deseja mais informações sobre financiamento imobiliário, aproveite para ler nossos posts.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Todos os comentários estão sujeitos a aprovação, para evitar que qualquer conteúdo impróprio, ilegal ou ofensivo seja publicado. O preenchimento do Nome e E-mail são obrigatórios.