6 dicas para montar um orçamento doméstico

Se você procura por um passo a passo para você conseguir organizar seu orçamento doméstico, encontrou! Confira as nossas dicas.

Por Vitório Real
22/08/2016 @ 19:03

Todos nós, independente do estágio da vida e da situação financeira em que nos encontramos, temos sonhos, desejos e aspirações, não é mesmo? Eles podem ser aquela tão sonhada viagem para o exterior, a aquisição de um bem material ou mesmo juntar um bom dinheiro para curtir muito a aposentadoria, sem se preocupar com possíveis imprevistos. O orçamento do​méstico é super útil nesse sentido.

E, ao contrário do que muita gente pensa, é possível sim, realizar todos os seus desejos, sejam eles quais forem e independente de sua renda mensal. Para isso, é necessário somente uma boa dose de disciplina, motivação e um planejamento minucioso.

A partir dele, é possível visualizar onde seu dinheiro está sendo gasto, o que pode ser cortado, quanto sobra para investir e em quanto tempo você alcança suas metas.

E então, animado para começar a realizar os seus sonhos? Confira as dicas!

1. Analise suas finanças

O primeiro passo antes de montar seu orçamento doméstico propriamente dito, é fazer uma profunda análise de suas finanças nos últimos meses (ou anos). Você está endividado? Possui muitas compras parceladas no cartão? Tem algum montante guardado? Há alguma categoria em que os gastos foram extrapolados?

Através desse diagnóstico financeiro, você será capaz de analisar de uma forma mais ampla sua situação, a fim de definir de maneira mais certa e realista suas estratégias para chegar onde deseja.

2. Estabeleça suas metas

Trace seus objetivos de curto, médio e longo prazos. Vale desde comprar aquele tênis lindo que viu na vitrine, até um carro novo ou mesmo a tão sonhada cas​a própria. Não importa o tamanho de seus desejos: agora é a hora de planejar como alcançá-los de fato.

Lembre-se de que qualquer coisa é possível, quando se pensa em 5, 10, ou 15 anos. Feito isso, você saberá o quanto deverá economizar mensalmente para alcançar todas as suas metas, bem como o tempo necessário para realizar cada uma.

3. Monte uma planilha de receitas e despesas mensais

Análise financeira feita e metas traçadas. Agora, é o momento de organizar de verdade sua renda mensal e saber onde está sendo gasto cada centavo que você ganha. Porém, para ser realmente eficiente, sua planilha deve conter absolutamente tudo que você gastar, viu? Muitas pessoas pecam nessa etapa, pois só consideram os gastos fixos, como aluguel, e contas de luz e água, por exemplo.

Entretanto, aquela revista ou o inocente cafezinho na padaria no final da tarde pode, sim, fazer uma grande diferença no seu orçamento. Nossa sugestão é que, durante 30 dias, você sempre saia de casa com um caderninho no bolso, para anotar todo e qualquer gasto (aplicativos de celular também servem). Você pode se surpreender em quanto gasta com coisas pequenas.

Mas, antes que você entre na loucura de anotar cada centavo do que gasta, lembre-se: esse método é útil para você entender os seus gastos melhor e ter uma boa noção de onde vai o seu dinheiro. Não adianta nada ter uma planilha detalhada de gastos se você não colocar em prática o próximo passo.

4. Delimite e corte gastos

Bom, a partir daqui você já sabe o quanto terá de economizar por mês para alcançar os seus sonhos, bem como onde estão seus gastos desnecessários. Então, é hora de cortar tudo que é supérfluo ou que está pesando demais em seu orçamento, combinado? É necessário que fique claro que alguns sacrifícios serão, sim, exigidos.

Especialistas em economia afirmam que para manter uma qualidade de vida elevada, é necessário poupar 10% do que se ganha mensalmente no mínimo. Mas você não precisa se privar de tudo nem sofrer demasiadamente para isso.

Analise atentamente sua planilha e repense cada um dos itens. Pergunte-se sinceramente se você necessita realmente daquilo para viver bem e tranquilo. Será que é mesmo essencial comprar uma peça de roupa todo o mês? Tomar banhos muito longos? Ter todos os canais oferecidos pela empresa de TV a cabo? Ou mesmo comer pizza todo final de semana?

Essa análise, além de lhe fazer poupar dinheiro para a realização dos seus sonhos, também fará com que você desenvolva uma relação mais saudável e pacífica com o dinheiro e com tudo relacionado a ele.

Algumas mudanças de hábito, inclusive, auxiliam na manutenção da sustentabilidade de nosso planeta, como economizar na água e na luz, por exemplo. Isso fará você se sentir muito bem e, de quebra, perceberá que nem precisava de tantas coisas assim para ser feliz.

5. Invista conforme o objetivo

Nesse momento, que você já conseguiu poupar o que tinha planejado, é hora de investir corretamente esse dinheiro, fazendo com que ele renda o máximo possível e você alcance mais depressa seus objetivos.

O tipo de investimento correto dependerá do tempo em que você deixará a grana rendendo na aplicação:

  • Curto prazo (até 1 ano): invista em aplicações em que o resgate é facilitado, como o Tesouro Direto.
  • Médio prazo (1 a 10 anos): as melhores opções são Tesouro Direto Fundos de Investimento e outras aplicações bancárias.
  • Longo prazo (acima de 10 anos): nesse caso, o Tesouro Direto indexado à inflação ou uma boa previdência privada são ótimas opções.

6. Acompanhe e revise o orçamento doméstico

Atenção! Esse passo é superimportante na conquista dos seus sonhos. Não basta apenas criar o orçamento doméstico e ficar jogando valores na planilha aleatoriamente, sem analisá-los e acompanhar atentamente se está tudo conforme o planejado.

Determine um dia da semana (ou do mês, caso você seja muito ocupado) para atualizar, analisar a fundo as informações, e saber se você está realmente indo na direção das suas metas. Em caso negativo, não se desespere nem desanime! No início do processo, é normal dar umas escorregadas no planejamento. Reordene as finanças e os gastos, e bola pra frente.

E a cada vez que você conquistar um dos objetivos que traçou, comemore muito e já trace outro. Afinal, estamos sempre querendo coisas melhores para a nossa vida, certo?

Agora que você já aprendeu como se organizar para conseguir qualquer coisa que deseja, não vai querer parar nunca mais!

Se esse conteúdo foi útil para você, não deixe de assinar a nossa newsletter! Assim, você receberá todo os artigos interessantes publicados aqui no blog diretamente em sua caixa de entrada. 🙂

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Todos os comentários estão sujeitos a aprovação, para evitar que qualquer conteúdo impróprio, ilegal ou ofensivo seja publicado. O preenchimento do Nome e E-mail são obrigatórios.