Compra/Venda: Como vender um imóvel à vista

Por Vitório Real
08/03/2016 @ 18:47

A ideia de vender um imóvel pode surgir motivada por várias necessidades. Muitas vezes, a família decide vender um bem para comprar outro, ou precisa reduzir o padrão de vida e diminuir os custos.

Qualquer que seja o motivo da venda do imóvel é muito importante ter um profissional preparado ao seu lado. Um corretor de imóveis pode ajudar em todas as etapas do processo de venda, desde a precificação, negociação, documentação, até o recebimento do dinheiro pela transação.

Como definir o preço de venda do imóvel

O que determina realmente o valor de um imóvel é o próprio mercado. O imóvel agrega em si um valor que leva em conta diversos fatores, como: localização, tempo de construção, características de acabamento, estado de conservação, vagas de garagem, opções de lazer próximas e até mesmo a incidência de sol.

Para precificar o imóvel corretamente, o ideal é que o vendedor contrate um corretor com experiência em avaliação ou um avaliador de imóveis. Recomendamos considerar, pelo menos, duas opiniões sobre o preço antes de decidir.

Outra maneira de saber se o preço que você está pedindo pelo seu imóvel está dentro dos padrões compará-lo aos outros imóveis com características semelhantes, na mesma região.  É sempre bom lembrar, que um valor muito abaixo ou muito acima do valor de mercado interferirão diretamente no tempo que você vai demorar para conseguir vender.

Documentação que o vendedor deve apresentar

Para que não haja nenhum tipo de problema durante o procedimento de venda do imóvel, é de suma importância que o vendedor esteja com toda a documentação em ordem e com as respectivas vias atualizada. Veja aqui a lista completa de documentos que o vendedor do imóvel deve apresentar. Conheça também osdocumentos do imóvel que serão exigidos no processo.

Como divulgar o seu imóvel no mercado

O corretor ou imobiliária contratada para comercializar o seu imóvel será o seu principal parceiro.  Ao escolher um corretor ou imobiliária consulte o CRECI (Conselho Regional de Corretores Imobiliários) e saiba se o prestador de serviço é confiável ou não.

Convém dar a exclusividade de negociação para uma única imobiliária ou corretor, para incentivar a divulgação. Por isso, avalie bem quem será o profissional que irá ajudá-lo nessa transação, considere solicitar indicações de amigos ou conhecidos que já compraram ou venderam imóveis na sua região para encontrar o melhor parceiro.

Um bom corretor saberá usar em seu favor todas as ferramentas disponíveis, tantoonline (redes sociais, portais pagos e gratuitos para anúncios) quanto off-line (panfletos, faixas, placas, revistas, jornais e murais no comércio). Grande parte do sucesso dos anúncios está relacionado às fotos do imóvel e ao detalhamento da sua descrição, então, certifique-se de oferecer imagens de excelente qualidade ao corretor.  Se você optar por tirar fotos com o imóvel ainda mobiliado, tome cuidado para que os ambientes estejam sempre organizados, limpos, sem a presença de animais ou pessoas e, de preferência, que as fotos sejam feitas durante o dia para aproveitar a luz natural. Sugerimos que você acenda as luzes da casa, mesmo se for durante o dia, e mantenha o flash da máquina permanentemente ligado. Não tire fotos contra a luz e prefira ângulos de cima. Não fotografe portas e batentes, nem corte a foto no limite superior da janela. Na hora de fotografar o banheiro, feche a tampa do vaso sanitário, retire as toalhas do ambiente e prefira uma imagem vertical que mostre todo o ambiente.

Lembre-se, a primeira impressão é a que fica! Por isso, tome cuidado também com a área externa da casa. Mantenha o jardim e o quintal bem arrumados. Caso a pintura externa esteja muito velha, vale a pena o investimento para melhorar o acabamento da parte de fora da casa. Essa simples ação pode valorizar o imóvel.

Capriche também no detalhamento das características do imóvel.

Erros que devem ser evitados

Algumas atitudes que parecem simples podem prejudicar na hora de vender um imóvel à vista. Mesmo que seja tentador, evite colocar várias placas, de diversas imobiliárias, na frente do imóvel. Além de poluir a fachada, a visualização fica muito prejudicada. Outro fator negativo é que o comprador pode pensar que você está desesperado para vender o imóvel e, como está pagando à vista, muito provavelmente irá tentar diminuir o valor ao máximo.

Evite que o corretor venha a qualquer hora. Exija que as visitas só possam ser feitas com hora marcada. Isso evitará que você seja pego de surpresa e tenha que mostrar o imóvel sujo, desarrumado ou cheirando a comida.

Não transfira a escritura definitiva enquanto não receber a totalidade do pagamento. Confiar em cheques pré-datados pode ser uma péssima ideia. Se os cheques não tiverem fundo, você poderá levar muitos anos para reaver o imóvel judicialmente.

Fechamento/Assinatura do Negócio

Além de avaliar a documentação do comprador,  vários outros itens devem ser levados em conta como, por exemplo:

  • Data de desocupação do imóvel.
  • Quem será o responsável pelos custos de transferência e documentação do bem como certidões, registro, corretagem entre outros.

Assim que finalizar os acordos iniciais, peça um sinal em dinheiro para que possa retirar o imóvel do mercado. Após isso, deve ser assinado uma Promessa de Compra e Venda de Imóveis à Vista com Recibo de Sinal, que nada mais é do que uma carta de intenções que deve constar todos os pontos definidos anteriormente.

Após o recebimento do dinheiro, dirija-se juntamente com o comprador ao CRI (Cartório de Registro de Imóvel) e faça a transferência legal para o nome do novo comprador.

Em um primeiro momento, vender um imóvel recebendo o pagamento à vista é a melhor opção de todas. Porém, caso o vendedor não se preocupe em conferir cada parte do processo, a dor de cabeça pode ser bem grande. Por isso, tenha muito cuidado e atenção.

6 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Todos os comentários estão sujeitos a aprovação, para evitar que qualquer conteúdo impróprio, ilegal ou ofensivo seja publicado. O preenchimento do Nome e E-mail são obrigatórios.

Danilo Souza

Olá Conceição. Tudo bem?

Ficamos felizes que o nosso post tenha agregado algo a mais no seu conhecimento. Nossos conteúdos são criados pensando em ajudar nossos leitores sempre #PensamosNoConsumidor. Conte conosco caso tenha qualquer dúvida sobre esse ramo!

Abraços 🙂

Geovana

Gostei muito das informações.Sou corretora e quero estar bem informada a tudo.

Responder
Danilo Souza

Olá Geovana. Tudo bom?

Ficamos felizes que o nosso post tenha agregado algo a mais no seu conhecimento. Executamos todos os conteúdos com muito carinho, sempre pensando em nossos leitores. Qualquer dúvida que tiver referente ao mercado imobiliário, conte conosco e deixe seu comentário para nós.

Abraços 🙂

jailton

Muito interessante as informações do viva real, de grande valia, ajudou muito- grato/ jailton oliver

Responder
Dayane Burgos

Olá, Jailton!

Que bom que você gostou! A opinião de nossos leitores é mais do que importante para que possamos nos dedicar ainda mais a melhorar e ajudar no que precisarem.

Abraço.